quinta-feira, 21 de outubro de 2010

ENTRE DILMA E SERRA...


           Conhecendo História e com quase sessenta anos de idade, o tempo ganhou outra dimensão para mim, por isso me incomoda tanto a "mentalidade atrasada" destes maniqueístas míopes, que só conseguem enxergar a curto prazo. Mergulhados na paixão, chamaram-me de cínico e disseram que ofereci lixo aos meus leitores. Não levei como ofensa pessoal, apenas constatei, por serem professores, porque anda tão mal a educação em nosso país.
           Leciono Ciências Humanas, no Projovem Urbano, que é um projeto social do governo Lula, onde cada unidade explora um tema diferente: “Juventude e Cultura”, “Juventude e Cidade”, “Juventude e Trabalho”, etc., e todos os autores, dos diversos conteúdos (Português, Matemática, Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Inglês, Participação Cidadã e Qualificação Profissional) se preocuparam em relacionar estes temas à vida dos alunos.
           Agora, na unidade que estamos estudando, o assunto explorado é: “Juventude e Comunicação” e, por causa do meu envolvimento com o tema lá na escola, resolvi escrever aqui sobre o livro “Lulismo no Poder”, não como um embate entre Dilma e Serra, mas uma constatação de que nada é perfeitamente bom ou fatalmente ruim, mas que tenho de ter desprendimento e obrigação de conhecer os dois lados da moeda, e foi o que fiz, estimulando os leitores do bloguetando examinarem, sob outros aspectos, a unanimidade que é o nosso presidente (nem todos tem esta habilidade), daí a origem de uma sequência agressões verbais.
           A idéia de endeusar um mortal, colocando-a acima do bem e do mal... dando-lhe mais importância que as instituições (não tenham dúvida que tenho a mesma admiração pelo nosso presidente que qualquer outro brasileiro), incomoda muito mais do que possíveis falhas de caráter ou alguma outra carência que seu governo possa ter... ainda bem que Dilma e Serra não são carismáticos.
           O lado positivo foi a oportunidade da reflexão, a primeira postagem rendeu mais duas, ano passado aconteceu algo parecido, não com a mesma parcialidade e preconceito de agora, mas também motivo para outras reflexões, daquela vez o tema foi religião.
           No final deste mês e início do próximo, teremos dois feriados especiais, o primeiro, segundo turno das eleições, esperança de transformação para milhares de brasileiros, e o segundo, finados, um dia que nem todos aproveitam para fazer uma profunda reflexão ... oportunidade em que se deveria pensar no quão transitório e ilusório é este caldeirão de paixões ao qual ficamos submetidos, principalmente nesta época, em que todos achamos que o “nosso lado” é o que está com a verdade, e qualquer abordagem que se faça sempre será confundida com ação pardidária.
           Independente de Dilma ou Serra, se não for feita uma profunda reforma política que transforme nosso país em uma verdadeira democracia, "onde o poder, verdadeiramente, emane do povo, e, por ele, e para ele seja exercido", estes “sepulcros caiados”, que manipulam a vontade popular, continuarão a infestar, indefinidademente, a nossa política, de qualquer que seja o lado.
           Sei que por enquanto isto ainda está longe de acontecer, por isso me declaro sonhador, mas os moinhos de vento não impedem uma visão realista do futuro, embora distante, de que os ideais iluministas prevalecerão sobre todas as conveniências e interesses pessoais, afinal, se até mesmo aquelas personalidades que foram "celebradas pelos fastos da História" foram esquecidas, uma hora estes nossos "soberanos", que insistem em construir bizarros castelos, perceberão que também "passarão como sombras efêmeras"... inexoravelmente esquecidos.
           Ao contrário do que supôs o professor, o Bloguetando nunca foi e nunca será "palanque do PSDB", ou de quem quer que seja... esforço-me para que seja apenas um palanque de ideias. Nunca participei efetivamente da política, a não ser quando venci meus preconceitos sociais lecionando no Projovem, e comecei a pensar em política partidária com ojetivos específicos, mas acredito mesmo é na transformação revolucionária pelas idéias... Só isso, nada mais do que isso.

ARTIGO RELACIONADO: CONJUNCTIO OPPOSITORUM (LULA E JOSÉ ALENCAR)

2 comentários:

Adriane disse...

Olá,

Meu nome é Adriane e também sou finalista do Prêmio Top Blog, na área de SUSTENTABILIDADE. Se quiser dar uma olhadinha, segue o link:

www.cpeaunesp.org

Se gostar e quiser votar! XD
Obrigada e boa sorte.

cleython disse...

abusada essa Adriana em...
pow fernando vai deixar