terça-feira, 27 de dezembro de 2011

SABER VOAR

O PENSAMENTO VOA
“(...) DAR `ASAS´ AOS SONHOS,
DESCORTINANDO A VISÃO.
DESFAZENDO OS NÓS
DAS AMARRAS AO CHÃO (...)”.


Da minha poesia “NAVEGAR-ME” (Preciso: exatidão ou necessidade?)

Nenhum comentário: